Acessibilidade e a Inclusão nos Espaços de Convivência – FGW
Mapa do Site
Traduzir para Português Por
Traduzir para Inglês Eng
Traduzir para Espanhol Spn
Blog - FGW

Data Publicação Data Publicação -  22/08/2018

Última Edição Última Edição -  11/12/2020

Autor Autor -  Equipe FGW

Acessibilidade e a Inclusão nos Espaços de Convivência

Acessibilidade e a Inclusão nos Espaços de Convivência

?Acessibilidade e Inclusão: Palavras que carregam em si muita responsabilidade e dinâmica. Responsabilidade por que devemos ter um olhar puro e saber enxergar as diferentes dificuldades para acessar-se um dispositivo e/ou local. E dinâmica, pois é necessário saber moldar e criar formas e meios de acesso. Todos deveriam ter consciência sobre o que é acessível ou não, mas cabe a determinados profissionais orientarem, acrescentarem positivamente e fornecerem as informações correta aos demais, para uma maior sensibilização sobre o assunto. Nesse sentido, a acessibilidade surge para trazer qualidade ao que é de caráter acessível.

Algumas ações podem ser tomadas a fim de incluir toda a população aos espaços públicos e privados de forma que todos os ambientes sejam acessíveis. A implementação e criação de tecnologias assistivas, também fazem parte da construção da acessibilidade. O Comitê de Ajudas Técnicas – CAT, aprovou em 2007 um conceito para subsidiar as Políticas Públicas brasileiras que determinam o significado e as competências dessa modalidade: “Tecnologia Assistiva é uma área de conhecimento, de característica interdisciplinar, que engloba produtos, recurso, metodologias, estratégias, práticas e serviços que objetivam promover a funcionalidade, relacionada à atividade e participação, de pessoas com deficiência, incapacidade ou mobilidade reduzida, visando sua autonomia, independência, qualidade de vida e inclusão social”.

Diante desse contexto, todos precisam fornecer um olhar empático, humanístico e sensível sobre a acessibilidade e ter a percepção das organizações espaciais sobre determinados locais, tais como: a falta de informação, disposição de pisos táteis, inclusão de rampas de acesso, informação e disposição de acentos preferenciais e/ou espaços para cadeirantes, organização estrutural, verificação se os espaços atendem todos os públicos, desde medidas, até a posição de móveis e/ou objetos.

Referências:
ABNT, NBR. 9050: 2015. Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. 3ª Ed. Rio de Janeiro, 2015.

Mais postagens

5 dicas para o microempreendedor sobreviver à recessão

5 dicas para o microempreendedor sobreviver à recessão

Sobreviver à recessão pode parecer tarefa impossível, mas, saiba que para tudo existe solução. O microempreendedor pode possuir maiores desvantagens que os grandes empresários, o que não significa que não dê para sair dessa. Confira essas dicas que separamos para que tudo dê certo no fim da crise: 1 – Faça um novo planejamento de […]

Por que o RH deve ser mais estratégico e menos operacional?

Por que o RH deve ser mais estratégico e menos operacional?

Qual é a primeira informação que vem à sua cabeça quando pensa em Recursos Humanos? Geralmente muito associado ao processo de recrutamento dentro das empresas, o RH tem uma função que vai muito além disso, sempre pensando no lado humano de cada colaborador. O RH Estratégico nasceu justamente disso, de pensar no ser humano. Você […]

O coronavírus pode dar start na transformação digital das empresas?

O coronavírus pode dar start na transformação digital das empresas?

Já tem muito tempo que se fala em transformação digital, mas o que exatamente seria isso? Será que o simples fato de se resolver tudo on-line em tempos de coronavírus é uma pequena parte dessa transformação? A resposta é bem simples: SIM! Só que isso é somente um pouquinho da grandiosidade que é a tecnologia. […]

O desempenho da sua equipe pode multiplicar com uma metodologia ágil. Saiba como aplicar.

O desempenho da sua equipe pode multiplicar com uma metodologia ágil. Saiba como aplicar.

?? Quantas vezes você se preocupou com a velocidade das entregas da sua equipe? Essa preocupação com o desempenho (tanto velocidade quanto qualidade) fez nascer o que chamamos de metodologia ágil. O gerenciamento de projetos por essas técnicas fez com que os resultados fossem os melhores possíveis. Lendo dessa maneira, parece até um sonho inalcançável, […]

4 erros que (quase) todo recém-formado comete

4 erros que (quase) todo recém-formado comete

Garantir o tão esperado (e suado) diploma é tarefa dificílima, nós sabemos disso. Até pouco tempo atrás suas preocupações eram garantir boas notas, correr atrás de um estágio e fazer um bom trabalho de conclusão de curso. Mas e agora? Você, recém-formado, precisa saber quais são os erros que quase todo mundo que conclui a […]

Ver mais